13/07/2020 às 09h33min - Atualizada em 13/07/2020 às 09h33min

Morre soldado da Polícia Militar Iago Kammler, lotado em Figueirão

Por meio de nota, a corporação lamentou o ocorrido

Da redação
MSTODODIA

Faleceu neste domingo (12) em Figueirão, o soldado da Polícia Militar Militar de Mato Grosso do Sul Iago Kammler, de 26 anos, após suicídio. Por meio de nota, a corporação lamentou o ocorrido e disse que as boas ações do policial jamais serão esquecidas.

“Kammler, um policial militar dedicado, apaixonado pela profissão e destemido. Doou sua vida e seu coração à segurança da sociedade. Sua imagem sempre viverá entre nós; policiais militares”, disse a polícia em Nota.

“A 4° Companhia Independente de Polícia Militar externa as mais sinceras condolências à família e aos amigos, rogando a Deus que conforte a todos nesse momento de dor, bem como se coloca à disposição dos familiares”.

Nota da PM

Motivação da ida de nosso militar:

O fardo geral pesou a ele. Lidava com fatores difíceis a ele. Vários fatores. Há algum tempo. Fato que ocorreu e pode ocorrer com qualquer pessoa. Psicologicamente analisando, sabemos que a probabilidade de perda de vida decorrente de um "desentendimento" é baixíssima. Logo, informações nesse sentido não são dignas de crédito. Podem sair inclusive em momento de emoção.  

Nada se relaciona a desavença. Desafeto. Esta informação é inverídica. Falsa. Difamatória. Injusta. "Sd Kammler era um militar destemido. Comprometido com a segurança pública. Atuava de acordo com a legislação e combatia o crime e criminosos. Obviamente, desafetos existem para aqueles militares honrados no combate ao crime. Kammler atuava e auxiliou e muito na defesa do município de Figueirão. Pergunto-vos; o criminoso se alegra em ser preso pela Polícia Militar? Alegra-se em ter sua droga, sua arma, seu carro ilegal apreendidos? Alegra-se em cometer crimes e ser preso por um policial militar firme e justo? Obviamente não. Não são "desafetos", são criminosos revoltos com a atuação da PMMS.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »