28/04/2022 às 14h00min - Atualizada em 28/04/2022 às 14h00min

Cidades de MS registram maiores temperaturas do país e alerta de umidades do ar em 24h

Karina Campos
MIDIAMAX
Henrique Arakaki/Midiamax

Sem chuvas há mais de uma semana, cidades de  começam a sofrer com a baixa umidade do ar, entrando em alerta de menos de 30%. As altas temperaturas colocam os municípios no ranking nacional de ‘calor’ registrado no  nas últimas 24 horas, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

O monitoramento aponta que a cidade de Água Clara registrou calor de 35.6°C, ficando em terceiro lugar na lista, atrás de Palmas, no Tocantins, e Campo Bom, no Rio Grande do Sul. Em 10° lugar está Três Lagoas, com 35.3°C.

A baixa umidade relativa do ar também eleva a atenção nas regiões mais quentes. Paranaíba pontuou variação de 28% e Água Clara 29%. Em Campo Grande, os termômetros também indicam tendência de calor de 34°C, na última quarta-feira (27). A umidade do ar variou entre 65% a 25%.

Mudança nas temperaturas

Uma frente fria avança pelo Brasil no fim deste mês de abril e promete mudança brusca na temperatura e um alívio no tempo seco, na próxima semana, em Mato Grosso do Sul.

A frente fria avança pela região Sul do Brasil nesta quinta-feira (28), aumentando a nebulosidade na região e causando pancadas de chuva. Por aqui, a mudança no tempo é esperada a partir do  e, com mais intensidade, entre terça (3) e quarta-feira, 4 de maio.

De acordo com o Climatempo, a frente fria leva umidade para as regiões sul e oeste de Mato Grosso do Sul, que podem ter pancadas de chuva já no fim de semana. Isso deve aliviar principalmente a baixa umidade do ar registrada no Estado nos últimos dias.  


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »